História - Mestre Elias

José Elias Da Silva, o Mestre Elias, nasceu em Recife (PE) em 1951. Até 1967 praticava “Pernadas”, movimentos que, na época, não era chamado de Capoeira. Mudou-se para a cidade de Teresópolis em 1967, no Estado do Rio de Janeiro onde começou a praticar Capoeira em academia em 1968 com o professor Carlinhos de Recife. Em 1972 Elias teve seu primeiro Mestre de Capoeira, Mestre Geraldão, na época estudante do 5º ano de medicina. Em 1975 mestre Geraldão se formou, tendo então que se ausentar da cidade, deixou em seu lugar o Mestre Girardan, segundo ele formado do Mestre Tabosa, de Brasília.
Em 1976 Mestre Elias mudou-se para o Rio de Janeiro para trabalhar e estudar.
Neste período conheceu na Travessa Angrense (local onde passaram e foram formados muitos “bambas”), em Copacabana, o Grupo Senzala de Capoeira, onde de imediato começou a treinar sob o comando dos Mestres Peixinho e Itamar. Elias ficou então, fascinado pelo trabalho desenvolvido pelo Grupo Senzala, onde familiarizou-se com os fundamentos, a técnica e a didática desenvolvida.
Em 1982 Elias trouxe para Teresópolis o Grupo Senzala sob a responsabilidade do Mestre Itamar.
Com o objetivo de aprimorar seus conhecimentos e de atender as necessidades de seus alunos, Elias graduou-se em Educação Física pela Universidade Salgado de Oliveira (UNIVERSO).
Em 1990 Elias foi formado pelo Mestre Itamar (um dos fundadores do Grupo Senzala) corda vermelha, a graduação máxima do Grupo.

Em 1995, em consequência de seu excelente trabalho, recebeu seu primeiro convite, do Mestre Peixinho, para desenvolver trabalho no exterior. Elias enviou seu filho Michel York para Londres (Inglaterra) para iniciar seus projetos no velho continente. Tendo assim, a Escola De Capoeira Grupo Senzala - Mestre Elias, participação importante na explosão inicial da Capoeira na Europa.
A partir deste momento, a Escola ganhou força no exterior, sendo Mestre Elias um dos responsáveis pela evolução da Capoeira na Europa, principalmente na França. Em 1996 Elias fundou a Associação Grupo Senzala de Capoeira de Teresópolis, utilizando o nome fantasia “Escola de Capoeira Grupo Senzala”. Em 1998 foi convidado por uma empresa francesa para produzir vídeos sobre a Capoeira, entitulados de “Capoeira 100% Spectaculaire“, “Capoeira 100% Regional” e “Capoeira 100% Angola”. Neste período produziu também um livro com o título “L’Essentiel de la Capoeira” pela Éditeur Chiron. Os vídeos e o livro ganharam o mundo e passaram a ser materiais de referência para os capoeiristas. Mestre Elias percorre o Brasil e exterior, participando de encontros, palestras, simpósios, ministrando cursos e dirigindo eventos em diversos países da Europa, Ásia, E.U.A. e América Latina.

Por seu trabalho de excelência,  Mestre Elias tem um dos mais admirados trabalhos na arte da Capoeira, sendo reconhecido no universo capoeirístico pelos grandes mestres.
OBS:  No período entre 1970 e 1992 Elias teve experiências com outras lutas, treinando: Jiu-Jitsu (brasileiro), defesa pessoal, Karatê (Kyokushin Kai), boxe (inglês) e judô.

De 1988 a 2013 Mestre Elias arriscou-se em projetos sociais, afastando crianças e jovens das ruas e direcionando-os à vida social e profissional. Alguns desses jovens hoje são alunos da Escola de Capoeira, desenvolvendo trabalhos próprios no Brasil e no exterior. Em 2009 a Escola recebeu ajuda de custo de uma Associação francesa, solidificando seus projetos neste período. Atualmente 90% dos projetos foram interrompidos por falta de recursos e incentivo empresarial e governamental.